TPC – Para que serve Terapia Pós-Ciclo e como fazer!

tpc

A Terapia Pós-Ciclo, ou TPC como também é conhecida, é muito importante para que está fazendo algum ciclo de Pró-hormonal. Neste artigo vamos explicar um pouco sobre esse processo. Começando com a principal dúvida de todos:

Para que serve a Terapia Pós-Ciclo (TCP)?

O objetivo dessa terapia é reduzir o tempo de recuperação hormonal fazendo com o seu corpo volte a produção natural da testosterona, minimizar as perdas de massa magra e garantir resistência, a Terapia Pós-Ciclo também é muito indicada para recuperar os danos causados ao fígado decorrentes do uso de medicamentos hepatotóxicos e do uso de substâncias anabolizantes.

Mas como essa a TPC funciona e qual a maneira mais correta de segui-la?!

O que acontece no organismo que faz com que haja necessidade de fazer a Terapia Pós-Ciclo [TPC]?!

Com o uso de determinados hormonais derivados da testosterona e/ou esteroides anabolizantes, a produção natural de testosterona é diminuída, pois o organismo entende que a quantidade desse hormônio já está elevada, e então nao tem porque ele continuar a produzir.

Após o uso da medicação e/ou do suplemento anabolizante, os níveis de testosterona tendem a voltam ao normal, porém o tempo que leva até que cheguem aos níveis ideais é demorado, provocando uma série de efeitos colaterais, como: diminuição da libido [do desejo sexual], diminuição da massa muscular magra, aumento da massa adiposa [de gordura], disfunção erétil, infertilidade e até depressão.

Logo, com o propósito de evitar esses efeitos colaterais, sugere-se a TPC para estimular a produção de testosterona para que não haja esse “gap” entre o fim do ciclo do uso de esteroide e a normalização “natural” da taxa de testosterona no organismo.

Suplementos para TPC

Antes de continuar, segue abaixo algumas sugestões de Suplementos para Terapia Pós-Ciclo:

 


After Collider Venom FormulasAfter Collider – Venom Fórmulas

After Collider da Venom Formulas é um suplemento criado para estimular a produção de testosterona após um ciclo de pré-hormonal.

Muito utilizado para manter (segurar) os ganhos obtidos após um ciclo, algo de extrema importância, pois todo trabalho tido durante o ciclo não pode ir embora de uma hora para outra.

O After Collider também possui diversos outros benefícios que você tem acesso na descrição da página do produto.

CONSULTAR PREÇO


Intra Collider venom formulas

Intra Collider – Venom Fórmulas

O Intra Collider é um suplemento fabricado pela Venom Formulas, cujo objetivo é resguardar o corpo para as possíveis agressões causadas por Pró-hormonais. Intra Collider é 100% natural e seguro. Sendo a melhor opção para proteção durante um ciclo com pró-hormonal.

Intra Collider é um suplemento fitoterápico foi desenvolvido para apoiar, blindar e restaurar a função do fígado (hepática), dos rins (renal), da próstata (prostática) e do coração (cardiovascular).

CONSULTAR PREÇO


Organ Shield Purus Labs

Organ Shield – Purus Labs

Organ Shield é um suplemento com propósito de proteger e restaurar funções hepáticas, da próstata, e cardiovascular em níveis saudáveis durante momentos de alto estresse.

A composição do Organ Shield contém antioxidantes específicos, flavonoides, e fitonutrientes que eliminam os radicais livres impedindo-os de atacar células saudáveis, além de auxiliar a reparação de células danificadas.

CONSULTAR PREÇO

Quando é recomendável iniciar Terapia Pós-Ciclo [TPC]?!

Embora não exista um protocolo oficial dizendo quando a TPC deva começar, há diversos artigos científicos que defendem algumas teorias, entre elas quando o ciclo for finalizado, porém pelo fato de ainda ter um cenário onde ocorre a inibição do eixo HTP [hipotálamo-pituitária-testicular], a TPC pode não ser eficiente, além de ainda poder ocorrer alguns dos efeitos colaterais mencionados anteriormente.

Outros estudos defendem iniciar a TPC após a meia-vida do esteroide anabolizante, ou seja, após o tempo que o esteroide leva para diminuir sua concentração plasmática pela metade, pois esse parâmetro possibilita que se obtenha uma estimativa do tempo gasto para que o esteroide seja removido pelo organismo, porém outros estudiosos afirmam que esperar a meia-vida não é eficaz, uma vez que ainda pode haver um cenário de inibição do eixo HTP [hipotálamo-pituitária-testicular], diminuindo a eficácia da terapia. Logo, entende-se que iniciar a TPC após a meia-vida seja eficaz apenas nos casos de uso de esteroides de meia-vida curta.

Outra forma que é comumente recomendada é começar a Terapia Pós-Ciclo quinze dias antes do início ciclo esteroide, dando continuidade durante todo ciclo e estender a TPC por mais quinze dias após o final do ciclo. Geralmente todo esse processo acontece durante oito semanas.

Porém, ainda que existam muitos estudos, a maneira mais correta, eficaz e segura de iniciar e terminar a TPC é após análise de exames bioquímicos – realizados antes da primeira dosagem do esteroide e logo depois da primeira meia-vida do mesmo – e análise do tipo de esteroide anabolizante utilizado, bem como sua dosagem e o perfil clínico do usuário.

Qual a importância de conhecer os modelos TPC?

Ainda que a escolha das drogas utilizadas nas TPCs esteja diretamente ligada ao tipo de ciclo esteroide realizado e o perfil fisiológico e histórica clínica do usuário, há alguns modelos de TPC que podem servir de referências.

Em contrapartida, para usuários com alto grau de especificidade clínica, é preciso um rigor médico maior. Vale lembrar que o auxílio médico é fundamental para uma TPC eficiente e segura, mesmo no caso de atletas.

Modelos TPCs:

Há diversos modelos – também chamados de protocolos – de TPCs, porém alguns deles são mais conhecidos e testados.

  • TPC – SERMS: É o modelo mais conhecido e, comumente, mais controverso, pois muito se discute a real sinergia entre os produtos utilizados. Tem como fármacos atuantes o Citrato de Tamoxifeno e o Citrato de Clomifeno, que atuam como modulares dos recepetores de estrógeno. Geralmente este modelo de TPC tem duração de 28 dias.
  • TPC – DOCTARI: É um modelo mais indicado para quem faz uso de doses mais altas durante o ciclo, já que é necessário iniciar a TPC após três vezes uma meia-vida. Esse modelo tem duração média de 37 dias.
  • TPC – ANTHONY ROBERTS: Ao contrário da anterior, é o modelo mais indicado para os iniciantes e usuários de doses mais baixas. Neste caso, o início da TPC deve acontecer um dia após o uso do esteroide anabolizante. Trata-se do modelo mais extenso, de 42 dias.

Algumas substâncias para TPC

– Citrato de Tamoxifeno – Evita crescimento de mamas nos homens
– Citrato de Clomifeno – Inibe estrógeno e restaura a testosterona.
– Anastrarol – Impede que hormônios masculinos virem femininos.
– Silimarina – Impede toxicidades no fígado. (Organ Shield)

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

OVIEDO, Eddie Alfonso Almario. As consequências do uso indevido dos esteroides anabolizantes androgênicos nas esferas civil, penal e administrativa: conhecer, prevenir, fiscalizar, punir. Uni. De Brasilia. Brasília, 2013. www.hipertrofia.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *